OLHOS DA SECA

  Aprendi que um dos tipos de felicidade é você conservar energia para ver lado bom das coisas, até mesmo quando elas não estão nas mais perfeitas condições.

  A frase " Se o Sol não aparecer, aproveite a chuva", nos dias atuais precisa ser alterada e revista, mostrando assim que como experiências "cinzas" na vida também precisamos de dias nublados, fechados, cinzentos e chuvosos, para que haja água e por sequência a vida!

  Baseando-se nesta ideia, a Lumiere preparou um lindo ensaio em parceria com Masterballet Blumenau e com a belíssima bailarina/modelo Drielly Maiara para encher seus olhos com a beleza feminina e da natureza. A estiagem mudou a paisagem do Rio Itajaí-Açu. As pedras agora mais em evidência, o movimento das águas e a beleza da mata nativa formaram o cenário perfeito para este magnífico ensaio fotográfico.

  Nestas fotos normalmente está coberto de água e nunca se vê as pedras, mostrando como estamos em estado de alerta, porém, podemos ver a beleza onde menos se espera.